sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Comunicado Importante


Estimados, lamento a ausência de atualizações no blog, como também justifico que isso se deve ao cotidiano desses dias de campanha eleitoral. O titular desta página exerce concomitante o assessoramento individual de nossa figura política e institucional quando se diz a respeito de grupo e sua conjuntura. No momento o nosso tempo é escasso por demais à dar cabo de outras tarefas, todavia o mais breve retomaremos nosso ritmo e retornaremos integralmente. Conto com vocês para nos impulsionar e motivar. Abraços!

O lado obscuro do 40: o capítulo se repete, desta vez acharam-se "os donos da rua"...

Notinha da noite


Fazendo jus ao obscurantismo de seu próprio número, a turma do "40", que até a pouco dias esteve "pedindo a paz" na cidade, figura mais um capítulo tenebroso de uma política pautada no desespero, ódio e terror, na noite desta quarta-feira (14).

Este blog encheu muitas linhas relatando fatos negativos associado a este grupo ao longo da campanha eleitoral 2016. Nesta quarta, ocasião em que o pessoal do lado do 65, simpatizantes de Júnior Cascaria, seguiam em um gigantesco buzinaço costumeiro ao encerramento das visitas, um motim integrado por eleitores do 40 se instalou na linha de percurso do buzinaço, que no momento seguia na Av. Israel Gonçalves. Os desordeiros foram instruídos a bloquear, usando até mesmo um trio de som, toda a via de uma margem à outra da avenida, a fim do buzinaço não prosseguir, aferindo com isso o direito constitucional de todos os cidadãos, de ir e vir, e locomover-se livremente, conforme artigo 5º, incisos XV da CF/88, ainda mais que no mesmo dia nenhuma licença para que estes interditassem a via e realizassem algum evento estava emitida no Departamento de Polícia. Lamentavelmente uma linha de confrontamento com finalidade mesquinha de incitar as vias de fato e exaltar os ânimos dos participantes. 

Não teria porque agir como desordeiros, visto que nunca alguém do 65 foi atrapalhar o 40 de realizar suas manifestações políticas. E olha que o prefeito ainda ocupa a titularidade, nem por isso usou poderio algum ou fez questão de acionar a polícia em seu favorecimento, pediu apenas que os seus partidários desviassem por outra rua.

A etapa final de campanha deles está sendo marcada por atos desenfreados como o de rasgar cartazes das paredes dos adversários, que encenam maioria no momento. São atos destemperados que levaram-os à maltratar animal doméstico, segundo afirmam espectadores que presenciaram um último arrastão na qual um gato preto era conduzido de qualquer maneira, tanto é que chegou a perder a vida; há evidente apologia à discriminação racial, quando dias após vazar print de uma conversa onde o candidato a vice-prefeito chama Jr. Cascaria de "nego", colocam para desfilar como mascote nas ruas da cidade um moço trajado de macaco, fazendo talvez referência à cor de pele do prefeito.

É repudiante o conceito que eles têm acerca de nossa política.

Logo, o 40 como o próprio número por si só simboliza, é o número dos "40 dias e 40 noites" do dilúvio de Noé; 40 anos de peregrinação de Israel no deserto da Península do Sinai por "incredulidade e dura cerviz"; 40 dias as quais Jesus jejuou no deserto antes de ser tentado pelo Diabo, que em todos estes aspectos arremete à ânsias, caos, atraso, etc.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Cascaria rumo à vitória na reta final de campanha: confira um show de imagens dos momentos marcantes


O prefeito do povo, à esta altura do campeonato - restando somente 17 dias para a eleição, mantém firme seu carisma e simplicidade; segue caminhando com o povo de sua terra mostrando virilidade e disposição em dialogar, embora a corrida eleitoral esteja sendo bastante exaustiva e à curto prazo. A retribuição de uma gestão voltada sobretudo ao trabalho e desenvolvimento do município, está expressamente revelada na hospitalidade dos moradores que recebem a Coligação ‘Com o Povo, o Trabalho Continua’.


Confira os principais momentos da visita realizada ao Bairro Vila Borges e ao Povoado Jatobá.

Vila Borges


Jatobá



Ator Domingos Montagner desaparece após mergulho no Rio São Francisco

O ator Domingos Montagner, de 54 anos, que interpreta o personagem principal da novela "Velho Chico", na Rede Globo, desapareceu no Rio São Francisco, em Canindé do São Francisco, no Alto Sertão de Sergipe, na tarde desta quinta-feira (15). O acidente aconteceu na divisa entre os estados de Alagoas e Sergipe. A informação foi confirmada pelo coronel da PM Fábio Fonseca Rolemberg.

— Ele estava tomando banho de Rio com a atriz Camila Pitanga quando a correnteza o levou — disse o militar. O ator estaria na região até o próximo domingo (18) participando das gravações da novela.

Equipes do Corpo de Bombeiros e do Grupamento Tático Aéreo (GTA) estão na região realizando buscas, mas segundo informações preliminares, a região onde ele desapareceu seria de difícil acesso.

Segundo o escrivão da Delegacia de Canindé, de Sergipe, a versão é um pouco diferente:

— Ele teria almoçado com a Camila Pitanga e um motorista, no hotel. Domingos saiu do hotel e foi mergulhar, saltou de uma pedra e desapareceu. O hotel fica a 2km do local do desaparecimento. Um ribeirinho está sendo ouvido como testemunha neste exato momento. Ele viu Domingos pular da pedra e desaparecer.

Barcos fazem busca no rio
Barcos fazem busca no rio Foto: reprodução
A Globo enviou um comunicado confirmando o desaparecimento do ator:

"Hoje, o ator Domingos Montagner gravou cenas de Velho Chico na parte da manhã, em Alagoas. Após o término da gravação, o ator almoçou e, em seguida, foi tomar um banho de rio.
Durante o mergulho, o ator não voltou à superfície. A atriz Camila Pitanga, que estava no local, avisou à produção, que iniciou imediatamente as buscas pelo ator. Helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e pescadores da região estão ajudando nas buscas, mas até o momento o ator continua desaparecido".

Barcos buscam por Domingos Montagner no rio
Barcos buscam por Domingos Montagner no rio Foto: reprodução/ instagram
Ribeirinhos e Polícia Militar estão envolvidos na busca, mas ainda não é confirmada a morte do ator. Mergulhadores da polícia também fazem o trabalho de busca.

* Atualização: o corpo do ator foi encontrado no fim da tarde preso à 30 metros de profundidade numa pedra.
Leia imais: http://extra.globo.com/famosos/ator-domingos-montagner-desaparece-no-rio-sao-francisco-helicoptero-da-pm-faz-busca-no-local-20118428.html


terça-feira, 13 de setembro de 2016

Fortaleza Beira Rio "avermelhou"!


Domingo (11) a caravana da vitória, liderada pelo candidato à reeleição Jr. Cascaria, esteve visitando o Povoado Jatobá, em uma jornada de contato e diálogo com as famílias. A zona rural tem dado expressiva manifestação de apoio ao prefeito.

O dia foi de festa. A festa continuou à noite no Povoado Fortaleza Beira Rio, onde Jr. Cascaria e as lideranças daquela região expuseram suas propostas ao povo. Fortaleza "avermelhou"!


Confira a galeria de imagens

PF prende quadrilha que fraudaria sistema da urna eletrônica


A Polícia Federal deflagrou hoje uma operação que prendeu no Sul do País uma quadrilha que prometia fraudar o sistema de registros de votos das urnas eletrônicas para quem pagasse até R$ 5 milhões.
Há suspeitas de envolvimento de funcionários dos tribunais regionais eleitorais que têm acesso aos cartões de memória das urnas.
Veja nota oficial distribuída pela PF:
''A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje, 13/09, a Operação Clístenes com o objetivo de desarticular uma organização criminosa que prometia fraudar urnas eletrônicas nas eleições municipais de 2016.
Foram cumpridos três mandados de prisão preventiva, dois em Brasília (DF) e um em Xangri-lá (RS), três mandados de condução coercitiva, em Xangri-lá, Canoas (RS) e Piripiri (PI), e cinco mandados de busca e apreensão, em Canoas, Xangri-lá, Goiania (GO) e dois em Brasília.
A denúncia partiu de um prefeito de município da região metropolitana de Porto Alegre. Os criminosos diziam ter contato com uma empresa que atualiza o software das urnas eletrônicas e cobrariam R$5 milhões para, supostamente, fraudar a eleição para prefeito e R$600 mil para, supostamente, fraudar a eleição para vereador.
Após o cumprimento dos mandados, realizado hoje, constatou-se tratar de estelionato, pois não há indícios de que os criminosos realmente poderiam obter êxito em fraudar as urnas eletrônicas e nem mesmo teriam contato com a empresa de atualização de software.
Os presos responderão pelos crimes de estelionato e organização criminosa, cujas penas somada variam de quatro a treze anos de reclusão. Serão encaminhados ao sistema prisional onde permanecerão à disposição da Justiça Eleitoral.
O nome da Operação: Clístenes foi um político grego antigo, que levou adiante a obra de Sólon e, como este último, é considerado um dos pais da democracia.
Segundo a Secretária de Tecnologia da Informação do TRE-RS, a urna eletrônica possui mecanismos de segurança que garantem que somente os programas gerados na cerimônia de lacração, única oportunidade em que a chave de assinatura oficial dos sistemas é utilizada, possam ser executados com status de aplicação oficial. Nessa oportunidade, os programas são inspecionados, fazendo que não haja como alguém gerar um programa malicioso para fraudar a eleição''.
Coluna Esplanada, Uol

Cassação de Eduardo Cunha: saiba como votaram os deputados federais do Maranhão

A Bancada Federal do Maranhão votou em peso pela cassação de Eduardo Cunha. Dos 18 deputados federais do Maranhão, 16 votaram pela cassação, o deputado Alberto Filho (PMDB) se absteve da votação e o Júnior Marreca (PEN) esteve ausente da sessão. Veja abaixo o quadro de votação dos deputados maranhenses.
Abaixo como votaram os deputados maranhenses:

Após uma novela que se arrastou por mais de 11 meses, a Câmara dos Deputados determinou na noite desta segunda-feira (12) a cassação definitiva do mandato do ex-presidente da Casa Eduardo Cunha (PMDB-RJ). A pena imposta ao responsável pela abertura do processo de impeachment contra Dilma Rousseff foi aprovada por 450 votos a 10 – eram necessários pelo menos 257 votos para aprovar a cassação. Houve ainda nove abstenções na votação, realizada de forma nominal e aberta, pelo painel eletrônico.

Eduardo Cosentino da Cunha, que renunciou à presidência da Câmara em julho, era acusado de quebra de decoro parlamentar por ter mentido durante depoimento à extinta CPI da Petrobras, no ano passado, quando negou possuir contas no exterior. Em outubro de 2015, no entanto, uma investigação iniciada pelo Ministério Público da Suíça revelou que o peemedebista era beneficiário de trustes – modalidade de investimento gerenciada por terceiros – no país europeu.
Informações de Jorge Aragão e Maranhão de Verdade

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

As "portas do inferno" não se abriram no movimento político do 40

Rapidinha da tarde


Afirmou alguém do lado de lá: "vamos buscar gente até no inferno para fazer um arrastão maior que o deles". Felizmente as portas do inferno não se abriram no ato político realizado por Gigi neste domingo (11). Embora realmente Poção de Pedras tenha recebido visitantes de Pedreiras e Igarapé Grande, mesmo assim esse terceiro "arrastão" consecutivo feito na tentativa de suplantar os movimentos realizados pelo 65, apresentou resultados não tão esperados. Pura negação! Porque não dizer: fiasco total. Muita zoada pra pouco resultado...

Copiam todas as características do 65. Até jargão de campanha imitaram. Vamos ter criatividade própria né!

No palanque sempre a mesma ladainha: cartazes não votam... tão alugando as paredes... o povo vai trair... hospital..., etc. De fato é a primeira vez na história em que uma oposição está  iludida e se deixando enganar. 

Fique com alguns registros de amigos que vieram dar uma "forcinha" ao 40.


Este ônibus, segundo relatos, ficou detido até ao meio dia de hoje. Um veículo escolar sendo utilizado para fins eleitoreiro. A turma ainda cobriu o nome "Escolar" com cartazes, mas não teve como despistar a polícia.

domingo, 11 de setembro de 2016

Candidatos e partidos devem enviar prestação de contas parcial à Justiça Eleitoral até o dia 13 de Setembro

Com a Reforma Eleitoral 2015 (Lei 13.165/2015), partidos, coligações e candidatos passaram a ser obrigados a informar à Justiça Eleitoral o recebimento de doações em dinheiro em até 72 horas contadas do seu recebimento.


Faltando 23 dias para o primeiro turno das eleições municipais, começou nesta sexta-feira (9/9) e termina na próxima terça-feira (13/9) o prazo para que partidos políticos, coligações e candidatos enviem à Justiça Eleitoral relatórios discriminados das transferências do Fundo Partidário, dos recursos em dinheiro e dos estimáveis em dinheiro que tenham recebido para financiamento de campanha eleitoral e dos gastos realizados, abrangendo o período do início da campanha (16 de agosto) até o dia 8 de setembro. A prestação de contas parcial será divulgada no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na próxima quinta-feira (15/9).
Com a Reforma Eleitoral 2015 (Lei 13.165/2015), partidos, coligações e candidatos passaram a ser obrigados a informar à Justiça Eleitoral o recebimento de doações em dinheiro em até 72 horas contadas do seu recebimento. Já os relatórios discriminando as transferências do Fundo Partidário, os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, bem como os gastos realizados, devem ser enviados em dois momentos: até 13 de setembro (prestação parcial) e 30 dias após o pleito (prestação final).
Os relatórios financeiros da prestação de contas parcial de campanha deverão ser encaminhados exclusivamente em meio eletrônico e deverão indicar nome e CPF da pessoa física doadora ou o CNPJ dos partidos ou dos candidatos doadores. Também é preciso identificar os gastos realizados, com detalhamento dos fornecedores. A não apresentação da prestação de contas no prazo fixado em lei ou a sua entrega de forma que não corresponda à efetiva movimentação de recursos pode caracterizar infração grave, a ser apurada na oportunidade do julgamento da prestação de contas final.
A ausência de informações sobre o recebimento de recursos em dinheiro em até 72 horas do seu recebimento será examinada, de acordo com a quantidade e valores envolvidos, na oportunidade do julgamento da prestação de contas, podendo, conforme o caso, levar à sua rejeição. Após os prazos previstos na lei, as informações enviadas à Justiça Eleitoral somente poderão ser retificadas com a apresentação de justificativa que seja aceita pela autoridade judicial e, no caso da prestação de contas parcial, mediante a apresentação de prestação retificadora.

"Quem sabe fazer bem feito é nós!"

CALÚNIA, MENTIRAS E DIFAMAÇÃO sustentam a campanha suja do candidato derrotado pelo povo em 2012 e rejeitado pelo povo em 2016. A nossa história com o povo de Poção de Pedras é de TRABALHO, CONQUISTAS, RESPEITO e VITÓRIA! Quem escolhe o que é melhor para a cidade é o POVO. E sua vontade é SOBERANA. Bom dia, galera do 65, e vamos ao Jatobá!!!
Imagens do final da visita de ontem à Vila Borges. Quem sabe fazer bem feito é nós!!!!
Júnior Cascaria